O site
Outros

Livro de Visitas

Nuno le Bienheureux - page en Français

Painel de Azulejos do Santo Condestavel Nuno Alvares Pereira
Também pode admirar um magnifico painél de azulejos sobre o Santo Condestável no Seminário de Cernache do Bomjardim.

 
  
Links 

Nuno Alvares Pereira

Vida do Santo Condestavel
e na Mensagem de Fernando Pessoa


Kalissimo : livros e artigos em Françês em particular a coleção Mazenod


Para viajar
:

Billetes de avião Orly - Porto mais baratos pela Expedia ou eBrokers ou pela Nouvelles Frontières

De Paris a Bruxelas pelo comboio Thalys

Gostaria de um saco especial e differente ? veja aqui :
Saco da Senhora dos Remédios - Sertã bag
Fotografias da Espada do Santo Condestável
Espada de Nuno Alvares Pereira - Excalibur Fernando Pessoa - NUNALVARES :
"Que aureola te cerca?
É a espada que, volteando, Faz que o ar alto perca
Seu azul negro e brando.

Mas que espada é que, erguida,
Faz esse halo no céu?
É Excalibur, a ungida,
Que o Rei Arthur te deu.
 
Sperança consummada,
S. Portugal em ser, Ergue a luz da tua espada
Para a estrada se ver!
 
A espada de Nun'Alvares Pereira segundo Condestável de Portugal (1360-1431), guerreiro e santo - na porta lateral do recinto da capela de Nossa Senhora dos Remédios que pertence à freguesia da Sertã.

Porta lateral com a espada do Beato Nuno Alvares Pereira

Nuno Álvares Pereira foi um grande chefe militar e um santo. Deve-se-le a batalha de Aljubarrota e ajudou a expulsar os espanhóis do territorio de Portugal.
Nasceu a 24 de Junho de 1360 em Cernache do Bomjardim, casou aos 16 anos e teve 3 filhos. A sua filha casou com um filho natural de Dom João I, Dom Afonso o primeiro Duque de Bragança.
O Bem-Aventurado Nuno de Santa Maria Pereira, 11° Santo português, moreu a 1 de Abril de 1431. Também se referencia como Nun' Álvares Pereira ou Beato Nuno ou simplesmente de Santa Maria.
 
 Virginia Manso
Localize a Nossa Senhora dos Remédios no Google Maps
No Museu Militar
D. Nuno Álvares Pereira. 1904, óleo sobre tela, 260 x 160 cm
   Quadro de Luciano Freire 1904, óleo sobre tela, 260 x 160 cm


 Senhora dos Remédios - Portugal Bookmark and Share